fbpx

Eles querem vê-lo falhar

Já reparou no que acontece quando tenta melhorar alguma área da sua vida?

Quer decida começar a ir ao ginásio ou a desenvolver as suas habilidades de culinária, quando toma a decisão de se tornar melhor em qualquer campo, a maioria das pessoas à sua volta não fica muito contente com isso.

Quando alguém decide ter um estilo de vida mais saudável, mudar a sua alimentação e praticar exercício físico, é comum ouvir as pessoas à sua volta dizer coisas do género:

“Vais para o ginásio? Agora queres ser o Arnold Schwarzenegger é?”

Esses comentários, mesmo que ditos num tom de brincadeira, têm como objetivo diminui-lo. Nada obstante, é fácil perceber a sua intenção quando são feitos num tom de sarcasmo, embora mesmo assim possam causar danos.

Os opositores dissimulados.

Existem ainda outro tipo de comentários muito mais perigosos, esses comentários são feitos com uma aparente intenção positiva, a pessoa que os faz mostra-se prestável e bem intencionada, quando a verdade é que se está corroer por dentro.

“Gosto de ti assim como és, não precisas de tentar ser como os outros”

As pessoas que fazem esse tipo de comentários querem demovê-lo do seu objetivo, tudo porque não querem sentir-se inferiores.

A grande maioria das pessoas à sua volta não quer sentir que está a ser ultrapassada, principalmente por outras pessoas que conhecem há muitos anos e para quem sempre olharam com alguma superioridade.

Isto acontece porque as pessoas estão constantemente a comparar-se umas às outras. Se também não deseja tornar-se num desses castradores de sonhos, evite comparar-se aos outros dessa maneira competitiva.

Compare sim os seus progressos consigo mesmo, observe o patamar onde se encontrava há dois anos atrás e compare com aquele onde se encontra neste momento. Esforçou-se? Obteve resultados? Ótimo!

O inimigo mais difícil de vencer é aquele que está dentro de nós e é também aquele que mais a pena vale.

Aprenda a lutar sozinho.

Pode realizar o que quiser na sua vida, mas a maior parte do tempo vai ter de lutar sozinho. À medida que se vai desenvolvendo, há sempre uma parte de si que tem de deixar para trás, e a cada novo patamar vai perder e ganhar aliados.

Não importa a opinião de terceiros, mantenha os olhos no seu objetivo, quando precisar de aconselhamento ou de alguma opinião, peça apenas a quem tem um historial que comprove que essa pessoa está realmente habilitada para opinar.

Se não tiver ninguém à sua volta que possa servir de mentor, não tem qualquer problema, os livros podem ser bons mentores, existem canais no Youtube acerca de qualquer assunto que queira aprofundar, onde também poderá encontrar bons mentores.

Se sabe o que quer e tem um plano para o atingir, não importa quantas vezes cai durante a caminhada. O falhanço faz parte do processo de aprendizagem.

É quando percorre o percurso em direção às suas metas que descobre qual a direção que deve tomar, ou seja, precisa de estar em movimento para descobrir os passos que o levarão onde quer estar.

Inevitavelmente, alguns passos serão mal dados, quando isso acontecer apenas precisa de reajustar a sua rota.

Outros tentarão demovê-lo, uns serão óbvios nas suas tentativas, outros serão mais subtis. Tudo isto é apenas mais um teste para testar a sua determinação, se quer muito uma coisa, não há nada nem ninguém que o possa impedir de a obter.

Quando ouvir as opiniões de outros, quem quer que sejam, se sentir que o estão a deixar com duvidas acerca das suas capacidades, dê um passo atrás, saia fora da situação e lembre-se:

Eles querem vê-lo falhar, não lhes dê esse prazer.

Pergunta: Como reage quando outras pessoas o tentam demover de alcançar as suas metas?

Deixe um comentário